segunda-feira, fevereiro 25, 2008 | Autor: Ebenézer Teles Borges
Você certamente já ouviu falar em "evangelho", ou conhece alguém que se declare membro de alguma igreja "evangélica". Talvez você mesmo seja um "evangélico". A questão é: você sabe qual é o significado dessa palavrinha que está na moda?

Significa "boa nova" ou "boa notícia". A nossa palavra "evangelho" tem sua origem no grego "euaggelion" que, literalmente, quer dizer "bom anjo" ou "bom mensageiro". Ora, é natural supor que um bom anjo ou um bom mensageiro sempre nos traga boa notícia ou boa nova. Atualmente, essa palavra mantém estreita ligação com a fé cristã reformada no século XVI, contudo, gostaria de desvinculá-la desse contexto e resgatar-lhe o significado etimológico original e puro, isto é, "boa nova", "boa notícia", simplesmente.

A boa notícia é que voltei a correr. Foram sete longos meses de recuperação, durante os quais até ousei treinar um pouco - e esse pouco me custou muito!

Tudo começou uma semana após a Maratona de São Paulo, ocorrida no primeiro domingo de junho de 2007. Era meu primeiro treino após esse evento e as duas panturrilhas resolveram reclamar. E reclamaram até o final de outubro. Aí foi a vez do tendão de Aquiles, o esquerdo, causar-me problema. Ficou inflamado até meados de janeiro/2008. De lá pra cá alívio, desconfiança e uma dorzinha chata localizada sob o calcanhar esquerdo, que incomoda um pouco, mas não me impede de correr.

Ontem, após algumas semanas de treinos curtos e lentos, matei a saudade do Ibirapuera. Foram 10 km percorridos em quase 52 minutos. Terminei cansado, ou melhor, "acabado", mas, ainda assim, eufórico. Isto mesmo: eufórico, entusiasmado, animado!

"Euforia" é um grande entusiasmo, uma alegria exagerada, um bem-estar físico que nem sempre corresponde ao estado físico objetivo. "Euforia" expressa muito bem o meu estado após esse treino de 10 km ontem: psicologicamente bem, inteiro; fisicamente, nem tanto.

Em tempo, "euforia" e "evangelho" (duas palavras usadas e abusadas neste texto) possuem algo em comum. Você sabe o que é?

Resposta: uma ligação etimológica com o prefixo grego "eu", que significa "bom". Observe:

1. "eu + angellion" (evangelho) = bom + anjo, mensageiro = boa nova ou boa notícia;
2. "eu + phoria" (euforia) = bom + tolerar, suportar = boa capacidade (ou força) para suportar ou tolerar com facilidade. Algo como bom humor, mesmo em situação desfavorável.

Resumindo, este é o meu "evangelho eufórico": tênis no pé, freqüencímetro no peito, cabeça fresca e coração explodindo de emoção – estou de volta ao mundo maravilhoso das corridas de rua.
Categoria: |
Acompanhe as postagens desse blog por meio de RSS 2.0 feed. Você pode deixar uma resposta ou comentário de seu próprio site.

4 comentários:

On 26 de fevereiro de 2008 17:21 , Cleiton Heredia disse...

Acabei de ler o seu "evangelho" e também fiquei "eufórico" com sua conquista - Parabéns!

Só não ando "eufórico" com o meu joelho que insiste em me chatear.

Estou começando a sentir os sintomas da síndrome de abstinência de corrida (não treino há mais de 10 dias): nervosismo, insônia, tremedeira e alucinações.

Por este motivo não tenho, de minha parte, nenhum "evangelho" para lhe contar.

 
On 26 de fevereiro de 2008 21:15 , CONVICTOS OU ALIENADOS? disse...

Eu queria ler esse "evangelho" e seguir o exemplo deixado. Treinar? preciso. Como? Não sei...

 
On 26 de fevereiro de 2008 21:40 , Cleiton Heredia disse...

Correr e coçar é só começar!

 
On 29 de fevereiro de 2008 07:53 , Alejjandro disse...

Legal!

Parabéns!

Abraço!

Alejjandro - http://alejjandro.wordpress.com

 
Related Posts with Thumbnails